Últimas Notícias

quarta-feira, 10 de novembro de 2021

Prefeitura leva serviço de saúde itinerante à comunidades quilombolas

 


Com o objetivo de descentralizar os serviços básicos em saúde e levar prevenção à população, a Prefeitura de Alagoinhas, através da Secretaria Municipal de Saúde (SESAU), promove nas comunidades quilombolas do município, ações de saúde itinerantes. Os atendimentos ocorrerão seguindo um calendário nas comunidades do Catuzinho, Oiteiro e Cangula.
As ações de saúde também estão incluídas na programação referente ao Novembro Negro, onde haverá atendimentos médicos, realização de exames laboratoriais e preventivos, vacinação de rotina e contra Covid, serviços odontológicos. Também haverá massoterapia e atendimento de sinais vitais.
“Novembro trabalhamos o mês da consciência negra, estamos no município de Alagoinhas buscando implementar ações que visem atender a população negra dentro dos princípios do SUS, de forma equânime e integral. Iniciamos ações nas comunidades Quilombolas, mas entendemos a necessidade de um atendimento continuo e não só referente ao mês de novembro. Estamos buscando implementar ações de forma ampliada, atendendo a população em seus diversos locais de atuação. Qualificando e sensibilizando as nossas equipes de saúde que são porta entrada dos nossos usuários”, afirma a diretora da Atenção Básica, Eliana Telles.
Segundo Leandro da Silva Santos, coordenador de Política da Promoção da Igualdade Racial, essas ações são importantes para contribuir com a identidade e valorização do povo preto. “É necessário dar uma assistência às comunidades quilombolas ainda mais agora por ser um Novembro Negro, momento em que é discutido e comemorado ações voltada para as comunidades tradicionais. Começamos com a ação de saúde, mas também vamos trazer grupos de capoeira do município, a Feira do Empreendedor”
Para a secretária de Saúde, Laína Passos, os serviços continuarão a serem oferecidos pela Prefeitura ao longo do ano. “As ações referente ao novembro não serão ações específica para um mês apenas, mas sim vamos desenvolver ações contínuas, tentando cada vez mais identificar os problemas de saúde, sempre trabalhando promoções e prevenções dando condições da política pública que existe instituída no município voltada a população negra”, explica.
O primeiro dia aconteceu ontem (09), na comunidade do Oiteiro. No dia 16 de novembro a ação itinerante estará na comunidade do Cangula e dia 23 de novembro no Catuzinho.

 

Confira mais imagens:



Páginas