Últimas Notícias

sexta-feira, 8 de maio de 2020

FERTILIZAR O SOLO: Prefeitura desenvolve programa de melhoria dos solos agrícolas e entrega mil toneladas de adubo às comunidades rurais

A Prefeitura iniciou, esta semana, a entrega de mil toneladas de adubo de esterco de galinha às comunidades rurais. A iniciativa – que beneficia, em média, 1500 trabalhadores, contemplando cerca de 40 comunidades da zona rural – é da Secretaria Municipal de Agricultura (SEMAG), que desde 2017 vem desenvolvendo um programa de melhoria dos solos agrícolas, na região.
Com o incremento, os agricultores aumentam a produtividade do solo, e os produtos que cultivam e comercializam contribuem para complementar a renda das famílias.
“Este ano, ampliamos o programa para mil toneladas de adubo, que é o insumo mais desejado pelos agricultores familiares. Isso significa que aumentamos em 25%, em 2020, a distribuição do insumo, em relação aos anos anteriores, quando entregávamos, anualmente, 800 toneladas de adubo aos produtores rurais”, destacou o secretário municipal de agricultura, Geraldo Almeida. Segundo ele, só na última quarta-feira (6), mais de 15 toneladas foram entregues na região do Rio Branco, e a distribuição será contínua. A SEMAG informou ainda que este é o 4° ano consecutivo em que a secretaria realiza a entrega de insumos e que serão priorizados, na ordem de distribuição, os agricultores ativos nas lavouras.
Mais de 15 toneladas de adubo orgânico foram entregues esta semana (Foto: Divulgação)
O intuito, segundo a gestão municipal, é contribuir com a estrutura produtiva dando um suporte principalmente aos trabalhadores do campo, que também tiveram suas rotinas de escoamento afetadas pela pandemia do coronavírus. “Vamos garantir que o agricultor familiar tenha condições de cuidar da sua terra, melhorando a fertilidade do solo. Essa é uma preocupação que temos tido desde o início, sempre distribuindo insumos entre os meses de abril e junho, na época dos plantios. Agora não poderia ser diferente. Então aumentamos em 25% a quantidade de adubo, porque entendemos que ele é um elemento fundamental de preparação da terra que interfere diretamente na produção do agricultor”, ressaltou o prefeito Joaquim Neto, que salientou também a importância do desenvolvimento agrícola no município.
Produtividade do solo e desenvolvimento do campo
De acordo com o secretário municipal de agricultura, Geraldo Almeida, o programa de melhoria dos solos agrícolas traz impactos como a maior participação de produtos alimentícios vegetais do município nas feiras de bairro, na Central de Abastecimento e em mercados da cidade. Ainda segundo o gestor, os plantios de mandioca, amendoim, feijão de corda, milho, laranja e hortaliças são diretamente beneficiados com esse tipo de adubo, que possui macronutrientes importantes principalmente no caso de solos arenosos de algumas regiões.
Foto: Divulgação
A SEMAG destacou também que o incentivo do governo municipal a agricultores familiares vai além da distribuição de insumos. “São disponibilizados dois tratores agrícolas que anualmente são utilizados nas terras do pequeno produtor a um custo que representa 50% do valor de mercado. No último ano, foram preparadas cerca de 2.200 tarefas de terra a partir do apoio que a secretaria tem dados às comunidades rurais e objetivo principal é que, no final, o agricultor tenha os seus custos de preparo com a terra reduzidos”, acrescentou Geraldo Almeida.
A iniciativa não é isolada e a secretaria dá continuidade ao trabalho para garantir melhorias à zona rural. Além de apoiar as feiras da agricultura familiar, o poder público municipal contribuiu para a instalação de uma pequena fábrica comunitária na região do Rio Branco, e tem estimulado também o associativismo, doando equipamentos para irrigação de hortas comunitárias. Enxergando o potencial de desenvolvimento da agricultura familiar, entendendo a importância das cooperativas e buscando formas de incentivar a pequena produção rural, a SEMAG tem transformado a realidade do campo e busca agora, com as parcerias de preparo do solo, formas de impulsionar o desenvolvimento desses produtores.
Foto: Divulgação

Páginas