Últimas Notícias

segunda-feira, 3 de fevereiro de 2020

Pugilista serrinhense de 16 anos vai treinar em São Paulo


Oriundo de família humilde, o jovem serrinhense Fabricio Souza, mais conhecido como Fabrício “Pinche” desde cedo teve que lutar para sobreviver. Contudo foi no esporte, principalmente no boxe, que Fabrício “Pinche” encontrou uma forma de superar as barreiras, nocautear as dificuldades e sonhar com um novo futuro. Apesar da pouca idade o garoto já demonstra um grande potencial e muita qualidade atributos que chamaram a atenção de uma das maiores equipes de boxe do país, a Tony Boxe, de São Paulo.

O garoto de 16 anos foi descoberto pelo atleta e professor Joilson Pereira Ramos, mestre “Jau”, coordenador da academia de boxe Estilo Olímpico de Feira de Santana. Em uma das competições promovida pela LBI (Liga de Boxe do Interior) o garoto chamou a atenção do mestre “Jau” que não hesitou em convidar o mesmo para treinar na academia. Fabricio “Pinche” não pensou duas vezes e seguiu rumo a uma nova etapa na vida. Não demorou para o garoto sonhador conseguir dar os primeiros passos rumo a uma nova oportunidade de garantir um futuro melhor para ele e para a família.

Isso porque, através do projeto Resgatando Campeões realizado pela academia Estilo Olímpico e do total apoio do presidente da LBI (Liga de Boxe do Interior), Antônio José Alves Reis, “Zinho Desafio”, o garoto conseguiu uma bolsa para treinar e fazer parte de uma das melhores equipes de boxe do Brasil, Equipe Tony Boxe, equipe que sagrou a primeira brasileira campeã mundial de boxe na história em dezembro de 2017, Rose Volante.
Fabricio “Pinche” que luta na categoria até 
52 kg, classe galo, atualmente é pentacampeão de boxe pela LBI (Liga de Boxe do Interior). “Pinche” viaja na noite do próximo domingo (2) com destino a capital paulista.

                                         Fabrício 'Pinche' ao lado do seu treinador mestre 'Jau"
Orgulhoso por essa grande conquista do pupilo, o mestre “Jau” conversou com a reportagem do programa Geral Fight, acerca desse grande passo de Fabrício “Pinche”. “A família Estilo Olímpico Boxe está muito feliz pois esta conquista não é apenas do “Pinche”, mas sim de todos que fazem parte do projeto Resgatando Campeões. Fabrício é um garoto de muito talento e potencial e tenho certeza de que ele se tornará um grande nome do boxe brasileiro. Quero agradecer ao presidente da LBI, Zinho Desafio que não mediu esforço para nos ajudar a conseguir a bolsa que irá possibilitar esse jovem atleta a lutar por seus sonhos e ideais”, disse.

Cheio de sonhos e expectativas Fabricio “Pinche” também falou dessa grande oportunidade de treinar e fazer parte de uma das melhores equipes de boxe do Brasil. “É fantástico tudo isso que está acontecendo em minha vida, agradeço muito a Deus em primeiro lugar, depois ao mestre “Jau” por ter me possibilitado ter essa grande oportunidade de poder lutar por meu sonho. A todos que estão me apoiando, agradeço a minha família que mesmo um pouco distante sei que estão torcendo muito por mim. Agora é chegar lá e trabalhar muito para tornar isso tudo uma realidade e se assim Deus permitir me tornar um atleta pronto a representar bem o meu país dentro do boxe”, contou.

A vida tentou nocauteá-lo, mas Fabricio “Pinche” superou as dificuldades, se esquivou das circunstâncias desfavoráveis e através do boxe busca mostrar seu talento para o Brasil e o mundo. Ele é uma prova de que o esporte resgata vidas e inclui o cidadão no contexto social e devolve ao indivíduo o direito de sonhar com um futuro melhor para ele e sua família.

Páginas