Últimas Notícias

quinta-feira, 31 de outubro de 2019

Fábrica de calçados leva desenvolvimento ao município de Santaluz


Com uma produção diária de 2.700 pares de calçados no estilo sapatênis, destinados ao público masculino e feminino, a empresa Pegada Calçados com um quadro de 423 funcionários, atua na cidade de Santaluz, localizada na região do sisal (A 260 Km de Salvador), desde 2014.
         A unidade fabril  em atividade há 13 anos - foi inaugurada  em 11 de setembro de 2006, pela Calçados Castro Alves. Durante oito anos, a empresa funcionou prestando serviços terceirizados na produção de tênis de marcas para grandes empresas multinacionais. Entre os anos de 2014 e 2015, as unidades fabris da Castro Alves, foram incorporadas ao Grupo Pegadas.   
      Fundada em 1989 no municipio gaúcho de Dois Irmãos, a Pegada possui  9 unidades no Brasil e proporciona mais de 3 mil empregos diretos. 
       Das 9 fábricas em atividades, cinco estão instaladas na Bahia. Com a produção  anual superior a 5 milhões  de pares de calçados, 90% dos produtos são disponibilizados  a comercialização  nacional e o restante é direcionado ao Mercado Internacional, com exportação para mais de 60 países. Segundo o gerente administrativo da empresa Henrique Davi Boufleuhir, a matéria- prima usada na fabricação de calçados é bastante diversificada. A base é procedente do Rio Grande do Sul, más temos fornecedores em todo o país, a exemplo de Santa Catarina, Minas Gerais, " São Paulo e Pará, fornecedores de couro. Os produtos feitos nesta unidade da região do sisal são 100% em couro e temos uma mão-de-obra qualificada". A produção  este ano está maior em 10%, em relação ao mesmo período de 2018, relata. Davi Boufleuher disse ainda, que, se  as coisas continuarem como estão, com a economia crescendo, existe um projeto que visa ampliar a fábrica luzense com a construção de um galpão em 2020, para armazenamento de produtos e materiaisp como forma de melhorar o espaço físico da empresa, o que possibilitará a contratação de mais mão de obra. A unidade Dois Irmãos no Rio Grande do Sul, perdeu a condição de Matriz para a unidade de Rui Barbosa, que conta com um quadro de 1.350 funcionários. A fábrica que hoje leva a marca Pegada, foi instalada em 2006 em Santaluz com o nome de Calçados Castro Alves, fabricando produtos para exportações principalmente para os Estados Unidos por cerca de três anos. Depois passou a atuar como terceirizada na fabricação de tênis para as marcas Puma e Nem Balance. Ao assumir o comando das fábricas do grupo Castro Alves em 2014, as unidades de Santaluz, Sapeaçú, Castro Alves e Esplanada foram incorporadas ao Grupo Pegada Calçados e em 2015 passaram a produzir 100% da marca. A matriz da Pegada Calçados em Rui Barbosa atua na fabricação de calçados, sandálias, sapatênis e sapatos sociais. Em janeiro deste ano, a unidade ganhou a fábrica de injeção de solados. A unidade da cidade de Castro Alves, comanda a linha de sapatênis masculino ; a de Sapeaçú produz sapato mocassin entre outros; ja  a fábrica de Esplanada faz sapatênis com microfibra. A unidade  de Dois Irmãos no Rio Grande do Sul, uma espécie de "Coringa", faz os produtos diferenciados que as demais unidades não estão aptas a fabricar. A Pegada fabrica também botas feminino, cintos, carteiras, meias e adereços.

  
  Por Pedro Oliveira

Páginas