Últimas Notícias

sábado, 6 de julho de 2019

Motorista de Uber é acusado de participar de latrocínio contra dentista no IAPI


Os Departamentos de Crimes Contra o Patrimônio (DCCP), de Polícia Metropolitana (Depom) e de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) capturaram o motorista do aplicativo Uber Paulo Souza Maia, 35 anos, acusado de participar do latrocínio – roubo seguido de morte – da dentista Rita de Cássia Guedes, 59 anos, no bairro do IAPI. O acusado foi apresentado no início da noite desta sexta-feira (05/07), na sede da Polícia Civil, na praça da Piedade.


Paulo, que possuía mandado de prisão temporária e se escondia na localidade da Baixa do Tubo, bairro de Cosme de Farias, e outros comparsas abordaram a vítima na rua Professor Moura de Bastos. Durante a tentativa de roubo, Rita foi baleada, socorrida por uma equipe da Polícia Militar, mas não resistiu aos ferimentos. O crime aconteceu dia 11 de junho.
“Paulo era integrante de uma quadrilha especializada em roubos e usava o carro dele, que estava no nome de sua avó, para a prática criminosa”, contou o diretor do DCCP, delegado Élvio Brandão. Acrescentou que ele, mesmo sabendo da repercussão do latrocínio, continuou atuando com outros comparsas e não procurou a polícia. “Temos a informação, inclusive, de que ele praticaria um novo roubo neste próximo sábado”, completou.
O delegado informou ainda que outros dois comparsas estão sendo procurados e que a população pode ajudar denunciando através dos telefones 190 e 3235-0000 (Disque Denúncia).
Nota da Uber
Com relação à notícia’ Motorista de Uber é acusado de participar de latrocínio contra dentista no IAPI”, a Uber informa que Paulo Souza Maia jamais completou o cadastro para dirigir utilizando o aplicativo e, portanto, nunca realizou uma viagem sequer utilizando o aplicativo da Uber.
Fonte: Informe Baiano

Páginas