Últimas Notícias

quarta-feira, 12 de dezembro de 2018

Pau Brasil: TJ nega liberdade a acusado de matar ex-prefeito


O acusado de ser o executor do homicídio que matou o ex-prefeito de Pau Brasil, no litoral sul baiano, Marcos Santos Rocha, morto em janeiro de 2017, teve um habeas corpus negado pela Justiça nesta segunda-feira (10). Uellington Uatson Araújo Oliveira – que está preso desde o dia 28 de junho (ver aqui) – teve a liberdade negada pela Primeira Câmara Criminal da 2ª Turma do Tribunal de Justiça da Bahia (TJ-BA).

Uellington é apontado pela Polícia Civil como o autor dos tiros que mataram o ex-prefeito. Ele estaria a mando do tio, Robélio Brito de Oliveira, que devia uma soma à vítima pela venda de três carretas de gado. Robélio também foi preso  no final de junho, junto com um funcionário dele, identificado como Binho, que também teria participação no crime. O homicídio ocorreu em 24 de janeiro de 2017 em Camacã, na mesma região, onde a vítima morava e tinha um supermercado.

Fonte: Bahia Notícias 

Páginas