Últimas Notícias

quinta-feira, 29 de novembro de 2018

APM INAUGURA SALA DE LUTAS E PILATES É PRESTA HOMENAGEM AO SUB TENENTE PAIXÃO


Ocorreu, na manhã desta segunda-feira (26), na Vila Policial-Militar do Bonfim, uma emocionante solenidade alusiva à inauguração da Sala de Lutas e da Sala de Pilates da Academia de Polícia Militar (APM), ambientes destinados ao treinamento de artes marciais dos alunos do curso de formação de oficiais PM (CFOPM), e do curso de formação de oficiais auxiliares PM (CFOAPM), além de um espaço terapêutico para manutenção da saúde e bem estar.
Dentre as Autoridades presentes, foram agraciados com uma placa de homenagem, o Comandante-Geral da Polícia Militar, Coronel PM Anselmo Brandão e o Subcomandante Geral, Coronel PM Reis, além de outras personalidades que contribuíram para a formação dos alunos nos ensinamentos de defesa pessoal, a exemplo do Subtenente PM da Reserva Paixão, ou Sensei Paixão, que construiu um legado de honra e dedicação ao esporte para várias gerações de Oficiais da Polícia Militar, o qual, muito emocionado, recebeu o prêmio das mãos do seu filho, o Diretor da Academia, Coronel PM Nilton Paixão. Destaque ainda na solenidade, a presença do Tenente-Coronel PM Gilson Paixão,  Comandante do.  16° Batalhão, e também filho do Sensei Paixão. 
O evento contou com a presença do Presidente da Federação Bahiana de Judô (FEBAJU), Professor Marcelo França, Aloísio Short, juiz renomado de judô, Coronel da reserva Jorgerval, faixa preta de judô,  bem como  reuniu vários Professores e Mestres das modalidades desportivas Judô e Jiu Jitsu, como também os alunos que fizeram demonstrações de habilidades na prática de defesa pessoal, sob a orientação do Professor Roberto Ventura, que foi agraciado pela APM.
Também foi agraciada  a equipe da Seção de Educação Física da APM, que sob a Coordenação do Capitão PM Pires, trabalhou intensamente em prol da realização do novo espaço. O Sr. Antônio Neto, empresário e grande incentivador do esporte acadêmico, de igual forma teve a sua colaboração reconhecida.
Momentos de destaque na solenidade foram os depoimentos do Sensei Ciro, que foi Professor do Sensei Paixão nos anos 70, e finalmente as palavras de agradecimento do Sensei Paixão pela homenagem recebida. 


Fonte: Departamento de Comunicação Social da PMBA.


Páginas